sexta-feira, abril 22, 2005

25 de Abril em Aljustrel

No próximo fim-de-semana iremos celebrar mais um 25 de Abril, esta grande data que tanto significado tem para nós e para Aljustrel.
Como é lógico, esta comemoração não é esquecida nesta terra mineira, e para tal estão já agendados e divulgados grandes eventos culturais de fazer inveja a qualquer vila ou cidade do nosso distrito!
Enquanto que nos outros concelhos aqui próximos se fala de Mário Laginha, Jorge Palma, Xutos e Pontapés, Luís Represas, Fonzie, Da Weasel, Toranja, Ez Special, Delfins, Paco Bandeira, Carlos do Carmo, Adiafa, Fausto, Mercado Negro, Terrakota, etc., nós não queremos saber nada disto. Em Aljustrel iremos ter os D’Novo (com todo o respeito por este grupo cá da terra) a fazer a sua tournée concelhia e para celebrar a noite da revolução actuarão o José Barros e os Navegante.
Palavras para quê?
Com um cartaz musical destes numa altura destas!
Será que é afastando os jovens e não apostando neles que se quer impedir que o 25 de Abril seja votado ao esquecimento?
Lembro que temos uma câmara comunista, ela mais que nenhuma deveria defender e tudo fazer, com programas aliciantes, para cativar todos os públicos, para que esta data nunca fosse esquecida. Se agora já é assim, como será se a cor mudar?No tempo do fascismo, é que se dava futebol e religião com fartura ao povo para lhe tapar os olhos...
Já temos o concerto da igreja no sábado, também temos futebol com fartura no período do 25 de Abril...
Tapem-nos os olhos que nós gostamos!